La aplicación del proceso informático de enfermería: revisión integradora

Camila Santana Domingos, Gabriela Tavares Boscarol, Lídia Miranda Brinati, Alessandro Custódio Dias, Cristiane Chaves Souza, Patrícia de Oliveira Salgado

Resumen


Objetivo: Identificar en la literatura la evidencia del proceso de enfermería (PE) que se aplica al software.
Metodología: Una revisión integradora, la búsqueda se realizó en las bases de datos PubMed, Lilacs y CINAHL y búsqueda inversa en el período de 28 de agosto al 09 de septiembre de 2016. Se utilizaron los descriptores enfermería, proceso de enfermería, sistemas de información en hospital, informática médica, aplicaciones de informática médica, informática en salud pública e informática aplicada a la enfermería. Muestra de 23 artículos.
Resultados: Hubo un aumento en la producción a partir de 2000, la mayor parte se originó en Brasil, se caracterizaron por estudios descriptivos. Nos mostraron dos categorías de análisis: el desarrollo y uso del software. La mayoría de las publicaciones contemplan todas las etapas del PE, dos mencionan la teórica y tres utilizan el sistema para las dimensiones de atención y gestión. Las taxonomías utilizadas fueron CIPE, NANDA, NIC, NOC.
Conclusión: El uso de software con el PE fortalece la práctica basada en la evidencia y consolida la enfermería como ciencia.


Palabras clave


Enfermería; Processo de Enfermería; informática aplicada a la enfermería; Software

Referencias


Ribeiro JC, Ruoff AB, Baptista CLBM. Informatização da Sistematização da Assistência de Enfermagem: avanços na gestão do cuidado*. J. Health Inform. 2014 jul-set; 6 (3): 75-80.

CONSELHO FEDERAL DE ENFERMAGEM. Resolução nº. 358, de 15 de outubro de 2009. Dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem em ambientes, públicos ou privados, em que ocorre o cuidado profissional de Enfermagem, e dá outras providências. Brasília: COFEN. 2009 [citado em 15 out 2009]. Disponível em: http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-3582009_4384.html.

Barra DCC, Dal Sasso GTM. Tecnologia móvel à beira do leito: processo de enfermagem informatizado em terapia intensiva a partir da CIPE 1.0. Texto Contexto Enferm, Florianópolis. 2010 jan-mar; 19(1): 54-63.

Dal Sasso GTM, Barra DCC, Paese F, Almeida SRW, Rios GC, MARINHOS MM, et al. Processo de Enfermagem Informatizado: metodologia para ssociação da Avaliação Clínica, Diagnósticos, Intervenções e Resultados. Rev Esc Enferm USP. 2013; 47 (1): 242-249.

Santos SR. Informática em enfermagem: desenvolvimento de software livre com aplicação assistencial e gerencial. Rev Esc Enferm USP. 2010; [citado em 10 out 2016] 44(2): 295-301. Disponível em: www.ee.usp.br/reeusp/

Melo EC, Enders BC. Construção de sistemas de informação para o processo de enfermagem: uma revisão integrativa. J. Health Inform. 2013 jan-mar; 5 (1): 23-9.

Sousa PAF, Dal Sasso GTM, Barra DCC. Contribuições Dos Registros Eletrônicos Para a Segurança Do Paciente Em Terapia Intensiva: Uma Revisão Integrativa. Texto e Contexto Enferm. Florianópolis. 2012 out-dez; 21 (4): 971-979.

Palomares MLE, Marques IR. Contribuições dos Sistemas Computacionais na Implantação da Sistematização Da Assistência De Enfermagem. J. Health Inform. 2010 jul-set; 2 (3): 78-82.

Mendes KDS, Silveira RCCP, Galvão CM. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na en¬fermagem. Texto Contexto Enferm. 2008;17(4):758-64.

Santos CMC, Pimenta CAM, Nobre MRC. A estratégia PICO para a construção da pergunta de pesquisa e busca de evidencias. Rev Latino-Am Enferm. 2007; 15(3):508-11.

Vasques CI, Rodrigues CC, Reis PED, Carvalho, EC. Nursingcare for hodgkin’s lymphomapatientssubjecttochemotherapy: anintegrativereview. Online Braz J Nurs. 2008 [Citado em 28 ago 2016]. 7(1). Disponivel em: ttp://www. objnursing.uff.br//index.php/nursing/article/view/1416

Galvão CM. Níveis de evidências [editorial]. Acta Paul Enferm [Internet]. 2006; [citado em 16 out 2016] 19(2). Disponível em: http://www. scielo.br/pdf/ape/v19n2/a01v19n2.pdf

Marin HF, Cunha ICKO. Perspectivas atuais da Informática em Enfermagem. Rev Bras Enferm. 2006; 59 (3):354-7.

Chianca TCM, Tannure MC. A tecnologia como instrumento facilitador do cuidado integral de Enfermagem. Rev. Enfermagem Revista. 2014 mai-jun; 17 (2).

Sperandio DJ, Évora YDM. Planejamento da assistência de enfermagem: proposta de um software-protótipo. Rev Latino-am Enfermagem. 2005 nov-dez; 13 (6): 937-43.

Kuchler FF, Alvarez AG, Haertel LA. Elaboração de ferramenta informatizada que viabiliza a prática da sistematização da assistência de enfermagem, 2006.

Schaurich D, Crossetti MGO. Produção do conhecimento sobre teorias de enfermagem: análise de periódicos da área, 1998-2007. Esc Anna Nery Rev Enferm. 2010 jan-mar; 14 (1): 182-88.

Keenan G, Yakel E. Promoting Safe Nursing Care by Bringing Visibility to the Disciplinary Aspects of Interdisciplinary Care. 2005: 385.

Malucelli A, Otemaier KR, Bonnet M, Cubas MR, Garcia TR. Sistema de informação para apoio à Sistematização da Assistência de Enfermagem. Rev Bras Enferm, Brasília. 2010 jul-ago; 63 (4): 629-36.

Veríssimo RCSS, Marin HFM. Protótipo de sistema de documentação em enfermagem no puerpério. Acta Paul Enferm. 2013; 26 (2):108-15.

Peres HHC, Cruz DALM, Lima AFC, Gaidzinski RR, Diley DCF, Trindade MM, Tsukamoto R, et al. Desenvolvimento de Sistema Eletrônico de Documentação Clínica de Enfermagem estruturado em diagnósticos, resultados e intervenções. Rev Esc Enferm USP 2009; 43(Esp 2):1149-55.

Santos SR. Informática em Enfermagem: Desenvolvimento de Software Livre Com Aplicação Assistencial e Gerencial. Rev Esc Enferm USP. 2009; 44 (2): 295-301.

Hao AT, Hsu CY, Li-Fang H, Jian WS, Wu LB, Kao CC, Lu MS, Chang HK. Apply creative thinking of decision support in electrical nursing record. Stud Health Technol Inform. 2006;124:313-9.

Schrader U, Marx R, Balint R. CareBase: a reference base for nursing. Proc Annu Symp Comput Appl Med Care. 1995: 22-6.

Cho I, Park H. Development and evaluation of a terminology-based electronic nursing record system. Journal of Biomedical Informatics. 2003 out-dez; 36: 304–312.

Pinto N. Concepção, desenvolvimento e aplicação do sistema de registros clínicos de enfermagem “PRINCE”. J. Health Inform. 2011 out-dez; 3 (4):146-52.

Campbell JR, Stoupa R, Warren JJ. Design and implementation of a rule based system for ambulatory nursing data management. Proc Annu Symp Comput Appl Med Care. 1991: 659-663.

Barra DCC, Dal Sasso GTM, Monticelli M. Processo de enfermagem informatizado em unidade de terapia intensiva: uma prática educativa com enfermeiros. Rev. Eletr. Enf. 2009; 11(3):579-89.

Garcia TR, Nóbrega MML. A terminologia CIPE® e a participação do Centro CIPE® brasileiroem seu Desenvolvimento e disseminação. RevBrasEnferm. 2013; 6 (esp.): 142-50.

Silva KL, Évora YDM, Cintra CSJ. Desenvolvimento de software para apoiar a tomada de decisão na seleção de diagnósticos e intervenções de enfermagem para crianças e adolescentes. Rev. Latino-Am. Enfermagem. 2015 set.-out; 23 (5): 927

Saba VK, Feeg V. A Bedside PC Charting System for Nursing Students using Clinical Care Classification (CCC) System. AMIA Annu Symp Proc. 2005: 1101.

Dykes PC, Carroll DL, Benoit A, Coakley A, Chang F, Empoliti J, et al. A Randomized Trial of Standardized Nursing Patient Assessment Using Wireless Devices. AMIA Annu Symp Proc. 2007: 206–210.

Prophet CM. The patient problem/nursing diagnosis form: a computer-generated chart document. Proc Annu Symp Comput Appl Med Care. 1993:326-30.

Crossetti MGO, Rodegheri M, Ávila ML, Dias VLM. O uso do computador como ferramenta para implementação do processo de enfermagem. Rev. Bras. Enferm., Brasília. 2002 nov-dez; 55 (6): 705-708.

Siders AM, Peterson M. Increasing patient satisfaction and nursing productivity through implementation of an automated nursing discharge summary. Proc Annu Symp Comput Appl Med Care. 1991:136-40.

Oliveira CG, Barros KAL, Oliveira AG. Construção de um protótipo de software para apoio à Sistematização da Assistência de Enfermagem, utilizando a engenharia de software e Usabilidade. J. Health Inform. 2010 jan-mar; 2(1): 1-6.

Caritá EC, Nini RA, Melo AS. Sistema de auxílio aos diagnósticos de enfermagem para vítimas de trauma no atendimento avançado pré-hospitalar móvel utilizando as Taxonomias NANDA e NIC. J. Health Inform. 2010 out-dez; 2(4): 87-94.

Liaskos J, Mantas J. Evaluating an ICNP Web-based nursing documentation system. Stud Health Technol Inform. 2004: 386-390.

Aquino DR, Lunardi Filho WD. Construção da prescrição de enfermagem informatizada em uma UTI. Cogitare Enfermagem. 2004; 9 (1): 60-70.

Cho I, Park H. Evaluation of the Expressiveness of an ICNP-based Nursing Data Dictionary in a Computerized Nursing Record System. J Am Med Inform Assoc. 2006 jul-ago; 13(4): 456-464.




DOI: http://dx.doi.org/10.6018/eglobal.16.4.278061